Home Perfil Contato Anuncie Image Map

18 setembro 2016

Look do Dia: Tricô da Barbie

3 comentários
     Boa noite meus amores!!! 
     Como estão nesse domingão? Muita preguicinha por aí? Por aqui ela está reinando, hahaha.
     Hoje é dia de look do dia e eu trouxe um look bem fofinho: saia + tricô barbie + coturno <3 Fiquei apaixonada pelo resultado da produção e já quero usar novamente. Hoje está bem (beeeeeeeem) calor por aqui, mas eu usei o look em um dia mais fresquinho e achei que deu super certo, pois eu fiquei bem quentinha por causa do tricô. 
     Esse tricô é super fofo e delicado. Com certeza é uma daquelas peças que a gente quer uma de cada cor sabe? Para usar todos os dias. Combina com saia, com shorts, ou com calça. E dá um super charme a qualquer produção.
         Meninas, eu estou com várias ideias aqui para o blog, porém a falta de tempo me impede de colocar tudo em prática, então estou pensando com colocar dias fixos para os posts. O que acham? Assim fica mais fácil para me organizar e vocês já ficam sabendo quais os dias que teremos posts novos. Vocês tem preferência de dias? Comentem aqui com a opinião de vocês. Ah, e comentem também o que vocês preferem ver em posts. Quero saber o que vocês gostam mais de ver por aqui. Moda, beleza, look do dia, diy, top 5, resenhas, receitas, sei lá. Comentem ou me envie uma mensagem nas redes sociais com o que vocês mais gostam, assim eu consigo fazer mais posts para vocês. Ideias não faltam por aqui, mas não estou conseguindo colocar tudo em prática :/ Vou me organizar melhor para isso.
        Voltando a falar do look, o que vocês acharam da combinação? Eu gostei muito e me apaixonei pelas fotos também <3 <3 <3 Espero que, assim como eu, você também tenham gostado de tudo! Fiquem ligadinhas aqui no blog que essa semana teremos receitinha e ainda um post com várias dicas para fotos do instagram. A polêmica de como tirar fotos legais e organizar o instagram sem que ele perca a realidade das fotos. Tem um post bem detalhado saindo do forno para vocês.. Fiquem ligadas nas redes sociais para ficar por dentro do dia que eu irei liberar tudo. Então, não saiam daqui sem visitar as minhas redes sociais: fanpage (facebook.com/blogjessicamontagnhani), instagram (@jessicamontagnhani) e sanpchat (jemontagnhani). Sigam também o blog aqui no Google+ para ajudar na divulgação. 
        Desejo a todos uma ótima semana. Beijos e fiquem com Deus!

16 setembro 2016

Deus não está morto

7 comentários
      Olá meus amores, tudo bem?
      Hoje eu voltei com uma dica de um filme (que já está velhinho), mas quando eu assisti eu pensei na hora que precisava compartilhar a minha visão sobre o filme e indicá-lo a vocês, para que outras pessoas que ainda não assistiram pudessem se interessar e assistir. O filme Deus não está morto foi lançado em 2014 e teve um grande número de críticas (principalmente negativas), porém vou explicar melhor isso. Agora, leia o enredo do filme (via: wikipédia).

Josh Wheaton (Shane Harper), um jovem cristão, se matricula em uma universidade que possui aulas de filosofia, administradas pelo professor Jeffrey Radisson (Kevin Sorbo) - um "ateu" - que exige que seus alunos entreguem-lhe uma declaração de que "Deus está morto" para poderem obter uma nota de aprovação. Josh é o único aluno da classe que se recusa a assinar e por isso Radisson exige que ele debata o assunto, de modo que o estudante tenha de provar que Deus não está morto; mas permite que o conjunto da classe decida quem ganha. 
O professor dá a Josh vinte minutos ao final de três seminários, para que o aluno argumente que Deus existe. Nos dois primeiros debates, Radisson tem contra-argumentos para todos os pontos de Josh. Kara (Cassidy Gifford), a namorada de Josh, termina com ele, temendo o fim do futuro acadêmico deles, por causa do professor. Em última instancia, tudo se resumo ao terceiro e último debate entre aluno e professor, no qual mais uma vez há pontos coniventes. Josh então interrompe sua linha de raciocínio para fazer uma pergunta ao Radisson: "Por que você odeia Deus?". De imediato, Radisson não responde. A pergunta é refeita, e então o professor explode de raiva, afirmando que ele odeia Deus pela morte de sua mãe, que o deixou sozinho, apesar de suas orações. Josh, então casualmente lhe pergunta como ele odeia alguém que não existe. No final, Martin (Paul Kow), um estudante estrangeiro, cujo pai o incentivou a não se converter ao cristianismo, se levanta e diz "Deus não está morto". Quase toda a classe segue o exemplo de Martin, e Radisson deixa a sala derrotado. 
Fora esse contexto dos debates, uma série de subtramas periféricos relacionados ao assunto de desenvolve. Josh, além de debater com seu professor nas aulas, conversa sobre cristianismo com seus colegas. Mostra-se a relação entre Radisson e Mina, sua mulher cristã que ele humilha na frente de seus companheiros ateus. É contada também a história de uma estudante muçulmana chamada Ayisha (Hadeel Sittu), que se converte, porém é deserdada por seu pai quando ele descobre por causa de seu irmão. E assim, Josh tem ainda a missão de conseguir converter seu professor de filosofia.

          Primeiramente, vou falar das críticas negativas que tenho ao filme e depois vou explicar porque acredito que mesmo assim vale a pena assistir Deus não está morto
         A história em si é ótima, com ótimos personagens, porém acredito que poderiam ter explorado mais as história, principalmente as histórias secundárias. Todas as histórias ficam superficiais, e com pouquíssima relação entre si. Daria para enxugar em algumas partes que ficou meio "parado" e acrescentar mais histórias, e de preferências acrescentar coisas que ligassem as histórias, pois não teve muito sentido colocar tanta coisa que quase não teve relação entre si. Isso foi uma das críticas que eu mais li por aí, e concordo plenamente com isso. Teve alguns personagens que não fizeram sentido na história. Não por ser um personagens ruim, mas porque ficou tão superficial que quase não deu para entender o seu sentido ali. Mas, mesmo assim, eu amei o filme. Pode até ser meio contraditório, mas eu acredito que vale super a pena assistir Deus não está morto, porque o intuito do filme é ótimo. 
          Eu sou apaixonada por tudo o que tem relação com a fé das pessoas. Gosto de ler livros e ouvir histórias sobre fé. Não somos nada sem a fé que temos. E o filme mostra um jovem que luta para demostrar aquilo que acredita, e nos faz pensar: "Até onde vamos pela nossa fé? Como provamos que Deus realmente existe? Você teria coragem de colocar seus objetivos em risco para defender o seu posicionamento em relação à Deus?". Eu gosto quando algum filme nos desafia a pensar em nosso ponto de vista. Como cristã eu posso afirmar que acredito na existência de Deus e encontro mil motivos para isso, porém muitas pessoas acreditam em sua existência por conveniência. Não estou aqui duvidando da existência de Deus e nem querendo que você faça isso. Mas eu encontrei motivos concretos para acreditar na Sua existência e é isso que eu acredito que o filme quer que você o faça, busque motivos concretos para acreditar N'Ele. Ele realmente existe, eu sei disso. E você também pode ter essa certeza. 
       Espero realmente que você, que ainda não viu esse filme, se interesse em assistir, pois vale muito a pena. Aproveite o fim de semana e bora preparar a pipoca, hahaha. Logo teremos mais resenhas assim. 
  Não se esqueçam de seguir o blog aqui no Google+, a nossa fanpage (facebook.com/blogjessicamontagnhani), o instagram (@jessicamontagnhani) e o meu snapchat (jemontagnhani), assim você fica por dentro de tudo em primeira mão. Tenham todos um ótimo final de semana! Beijos e fiquem com Deus!

06 setembro 2016

M(EU) CORPO

2 comentários
     Olá meus amores, tudo bem?
     Estou mega feliz em voltar com o blog e com um post super especial. O post de hoje é uma colaboração entre blogueiras e com um tema um tanto polêmico: MEU CORPO. Hoje eu vim contar minha experiência e falar um pouco o que eu penso sobre o assunto.
       Muitas meninas acham que somente quem tem um biotipo mais "cheiinho" sofrem com isso. Porém, eu estou do outro lado da moeda, e confesso que já fui super encanada nisso. Eu sempre fui bem magrinha. Aliás, nem sempre. Eu era um bebê gordinho, mas só enquanto bebê mesmo. Todas as minhas fotos de infância mostram o quanto eu fui magra. Na minha adolescência isso me incomodava muito, pois era bem difícil encontrar roupas bonitas que me serviam. Geralmente, tudo ficava largo, e mesmo apertando de todos os lados, nada ficava certo em meu corpo. Então eu passei toda a minha adolescência tentando engordar a todo custo. Fiz todas as receitas possíveis. Já ouviram falar que beber ovo de pata com leite condensado faz engordar? Essa receita eu só não fiz porque não encontrei onde vendia ovo de pata, hahaha.
         Hoje eu ainda continuo bem magrinha, porém não é mais algo que me incomoda. Eu sei que faz parte do meu biotipo e acho até que iria estranhar se eu engordasse muito. Isso faz parte de mim. E eu não seria "tão eu" se fosse diferente. O que eu quero falando tudo isso? Que você se ame independente do seu corpo. Não é o seu físico que define quem você é.
          O mundo é muito bom em julgar as pessoas. Jugam pelo corpo que você tem, pela forma com que você se veste, pela gíria que você fala, pela sua tatuagem ou até pelo seu cabelo. Mas nada disso é o que você é. Uma pessoa com uma tatuagem, não é simplesmente uma pessoa com uma tatuagem. Ela pode ser (e é) muito mais que isso. Uma pessoa mais gordinha não é simplesmente alguém que está acima do peso estipulado pela sociedade. Ela pode ser o que ela quiser, mas nada se limita ao seu corpo. Não somente ao seu corpo. Com certeza, isso faz parte dela, mas não é só isso. 
           Eu não sou contra os regimes e a vida fitness que muitas pessoas pregam. Porém acredito que tudo tem que ser uma escolha sua, e não das pessoas a sua volta, não da revista que dita um padrão de beleza. Você pode sim querer emagrecer ou até engordar (no meu caso), mas que tudo parta de você, essa escolha é sua. Se você está feliz com o corpo que você tem, seja ele mais gordinho ou mais magrinho, não tem porque se adequar aos padrões impostos. Seja você e assuma o corpo que você têm. 
         Claro que a sua saúde deve vir em primeiro lugar. Se o fato de estar abaixo do seu peso ideal, ou o seu sopreso causar algum mal a sua saúde, você deve sim engordar ou emagrecer. Isso tudo conforme orientação médica. Mas tenha em mente que é o melhor para você, e não simplesmente faça algo para ter o corpo idealizado pela sociedade.
         Nós devemos aprender a admirar a nossa beleza. Sendo magra ou sendo gorda, com o cabelo liso ou cacheado, sendo baixinha ou alta. Todas nós somos lindas! Nós devemos acreditar nisso, e não deixar que ninguém nos fale o contrário. 
           Ei garota, você é templo do Espírito Santo, e Ele só habita em lugares belos. Então se Ele escolheu morar em você, pode ter certeza que você é a mais linda aos olhos do Pai. Acredite nisso! Você é Sua imagem e semelhança, e se o Senhor é lindo, como nós sabemos que Ele é, você também é linda! Cada uma com a sua beleza particular, mas somos lindas! Dê mais valor ao seu sorriso, às palavras bonitas que você pode dizer, a simplicidade e simpatia, isso sim é a beleza mais importante que podemos transmitir. Não seja simplesmente um corpo, seja alma. Floresça o Deus que há em você!

           Se você gostou desse texto e quer ler outros sobre o mesmo tema, vou deixar aqui os link. Tem muito post bacana com visões e formas de pensar completamente diferentes.

      Espero que tenham gostado do texto, e que de certa forma ajude em algo. Não se esqueçam me me acompanhar nas redes sociais para ficar por dentro de tudo o que rola por aqui em primeira mão: 
Snap (jemontagnhani)
     E acompanhem também o blog aqui pelo google, é só clicar em Participar deste Site para ajudar na divulgação. Fiquem ligadinhas que essa semana ainda teremos look do dia e indicação de um filme bem legal. Um super beijo e fiquem com Deus!

07 agosto 2016

Look do dia: Total Black

4 comentários
        Olá meus amores, tudo bem?
        Como estão aproveitando esse domingão? Hoje é dia de look do dia e eu vim de "look total black". Já falei sobre looks assim em um post aqui no blog, e se você ainda não viu é só clicar aqui. Nesse poste você consegue ver o quanto um look todo preto agrada a mulherada e você consegue usar essa tendência de diversas formas, adequando-a ao seu estilo. Looks assim, todo de uma cor, dividem opiniões, porém quando falamos de peças na cor preta, a mulherada gosta muito.
        O look é composto por uma calça lisa e uma peplum de renda com transparência e manga flare. Preciso falar que fiquei apaixonada por essa peplum desde o momento que a vi? hahaha Amor a primeira vista, e já estou imaginando usá-la de outras maneiras. O que acham com short jeans e mocassim? Acho que vai ficar super diferente e lindo. Voltando ao look atual, haha, eu usei uma sandália de salto preta, pois usei esse look para sair a noite, porém, você pode optar por uma sapatilha se está a procura de conforto. Caso você queira dar mais cor ao look, abuse dos calçados coloridos. Acho que tem super a ver com a produção um scarpin colorido, que tal vermelho ou pink? O que vocês acham?         
          Meninas, eu sei que prometi que iria organizar o blog melhor, mas ainda não consegui definir umas coisas por aqui. Estou tentando mudar várias coisas no blog, e acredito que todos gostarão. Além de que estou preparando algumas novidades para vocês, então fiquem ligadinhas aqui no blog e nas redes sociais (facebook, instagram e snap - jemontagnhani) para ficar por dentro do que vai rolar por aqui. Já vou adiantando que terá quadros novos que vocês irão amar, roupinha nova para o blog e até alguns sorteios <3 Prepara o coraçãozinho, hahaha. Mas para que isso aconteça eu preciso da ajuda de vocês, então não deixem de seguir o blog aqui no google para ajudar muito na divulgação. Sem vocês nada disso será possível. 
         Para encerrar uma foto bem animada, hahaha. Vocês não tem ideia da minha alegria em poder esticar o braço assim. Para quem não sabe, eu fraturei o cotovelo no mês de abril e precisei passar por duas cirurgias e muita fisioterapia. É muito bom ver que, depois de meses em que eu não conseguia nem fazer os movimentos mais simples, o meu bracinho está ótimo e eu consigo esticá-lo novamente. É muita benção <3
          Se você gostou do look e desse post deixe a sua opinião aqui nos comentários. Se não gostou também, comente com uma sugestão. Não se esqueça de clicar em "Participar deste site" para ajudar na divulgação. Se você quer saber de tudo o que rola por aqui e acompanhar o meu dia a dia, me siga nas redes sociais: fanpage (facebook.com/blogjessicamontagnhani), instagram @jessicamontagnhani e snapchat jemontagnhani.
          Um super beijo e fiquem com Deus!

03 agosto 2016

Receitinha: Chocolate Quente Cremoso

6 comentários
    Olá meus amores, tudo bem?
   Hoje é dia de receitinha <3 Eu amo postar receitinhas por aqui, pois vocês gostam muito, porém já fazia um bom tempo que não conseguia atualizar essa categoria. Para falar a verdade, não sou muito de cozinhar não, mas sempre que vejo ou experimento algum doce ou algo diferente eu gosto de apreender para postar aqui no blog e ensinar vocês também. A receitinha de hoje é ideal para os dias mais frios, porém, como eu sou a louca do chocolate, gosto de beber o ano todo, haha. Quem mais é assim?
     A receita que eu trouxe para vocês é de um Chocolate Quente bem cremoso e gostoso. É super fácil e simples de fazer, e com certeza irá agradar a todos. Vamos aos ingredientes?

- 1 (um) litro de leite
- 6 (seis) colheres de chocolate em pó
- 1 (uma) colher de amido de milho
- 4 (quatro) colheres de leite em pó
- 1 (uma) lata de leite condensado
- 1 (uma) caixinha de creme de leite

Obervação: Não é propaganda, mas o ideal é usar o chocolate em pó dois frades (ou chocolate do padre como é conhecido pelos consumidores), pois ele é 50% cacau, ou seja, não é tão doce quanto os outros tipos que vão muito açúcar. Ele é melhor, pois não deixará o seu chocolate quente enjoativo, pois já iremos colocar o leite condensado que é bem doce.
  • O modo de preparo é bem fácil. Primeiramente você deve bater no liquidificador o leite, o chocolate em pó, o amido de milho, o leite em pó e o leite condensado. Bata até que fiquem bem homogêneo. O leite condensado você irá colocar de acordo com o seu gosto pessoal; se você gosta que o chocolate quente fique bem doce, coloque toda a lata, caso não goste, coloque menos leite condensado. Caso depois de bater, você achar que está sem cor, coloque mais chocolate em pó para ficar mais escurinho.
  • Agora, coloque esse líquido que você bateu no liquidificador em um caneco (ou uma panela) e leve ao fogo alto. Você deve mexer constantemente e deixe no fogo até engrossar.
  • Quando engrossar, abaixe o fogo e coloque o creme de leite. Mexa bem e desligue o fogo. Depois de acrescentar o creme de leite não deixe tanto tempo ao fogo para não cozinhar o creme de leite.
      Gostaram galerinha? É uma boa ideia para fazer para a família, um encontro com os amigos ou até mesmo agradar o boyfriend. Que tal? E virão como é bem fácil? Se você prefere tomar um cappuccino eu também já ensinei aqui no blog uma receita bem cremosa e deliciosa. Tem para todos os gostos, hahaha. Espero que tenham gostado e façam. Caso você faça a receitinha, tire uma foto e me marque no instagram @jessicamontagnhani, ou até mesmo me envie pelo snapchat jemontagnhani.
       Para ajudar o blog a crescer e com isso, juntos, prepararmos muito mais conteúdo, clique em "Participar deste site" e faça parte do blog você também. Para ficar por dentro de tudo o que é publicado aqui no blog em primeira mão, curta a minha fanpage (facebook.com/blogjessicamontagnhani). E para acompanhar o meu dia a dia, basta me seguir no instagram @jessicamontagnhani e no spachat jemontagnhani.
         Um super beijo e fiquem com Deus!
© Jéssica Montagnhani - 2015. Todos os direitos reservados. Design por: Vinicius Basan. Tecnologia do Blogger. imagem-logo